Conheça o exame Video head impuse test (VHIT)

Exame Otoneurológico
Exame Otoneurológico
10 de dezembro de 2018
Cirurgia de nariz
Cirurgia de nariz: função e estética
18 de fevereiro de 2019
VHIT

Conheça o exame Video head impuse test (VHIT)

O que é?

Um dos exames mais modernos para avaliação dos labirintos, agora à disposição no Instituto Otorrino.

Todos nós possuímos 2 labirintos, um dentro de cada ouvido, sendo que cada possui 3 canais diferentes. O VHIT consegue avaliar cada canal em separado.

Quando fazer?

A eletro-oculografia é um excelente exame para avaliação da tontura, porém com algumas limitações:

– Desconfortável para ser realizado durante a crise ou em pacientes com enxaqueca (na etapa da prova calórica);

– Na avaliação dos labirintos, consegue somente resposta de um dos canais, faltando informações sobre os outros dois.

Para auxiliar com essas limitações foi criado o VHIT, exame mais confortável de ser realizado em comparação a prova calórica e que consegue avaliar em separado cada um dos canais de cada labirinto.

Como é feito?

VHIT

O exame consiste no uso de óculos especial pelo paciente que avalia a movimentação ocular por meio de uma câmera de infravermelho. Sendo assim, são realizadas movimentações bruscas com a cabeça em diversas direções, avaliando a capacidade dos olhos de fixar o olhar em um ponto. Ao final, são descritos quais canais estão alterados e qual seu significado (origem nos labirintos ou sistema nervoso central).

Preciso de algum preparo?

Para realizar o VHIT, é necessário não utilizar maquiagem no dia do exame.

Em alguns casos de paciente com doenças oculares não possível captar a movimentação ocular, cada caso tem que ser avaliado em separado.

Onde fazer?

Novidade no Brasil e difícil de ser encontrado, o Instituto Otorrino investe para proporcionar aos seus pacientes tecnologias para diagnóstico mais preciso.

 

Dr. Luis Gustavo Cattai Zamboni

CRM-SP 150789

Formação em Medicina e Otorrinolaringologia pela Faculdade de Medicina da USP

Fellowship em Otoneurologia pela Faculdade de Medicina da USP